segunda-feira, 2 de junho de 2008

Dr. Julio Diaz: "A dengue é democrática"

Gil Gomes recebeu nesta segunda feira, 2 de junho, no Alerta Geral o médico epidemiologista Dr. Julio Diaz, que veio falar sobre as ações de combate à Dengue em Ilhéus.

Segundo o médico, com suspeita de dois casos de dengue hemorrágica na última semana, a situação do município não é nada confortável. Apesar de ter reduzido o número de casos de dengue clássica, o ano de 2008 apresentou aumento nos casos de dengue hemorrágica. " A dengue é uma doença altamente democrática: atinge a todos e é responsabilidade de todos", e se o morador não cuidar do seu domicílio, evitando reservatórios de água limpa e parada - que é onde o mosquito transmissor da doença se reproduz , ele estará ajudando à propagação da dengue.

O grande problema têm sido os imóveis fechados, em grande parte casas de veraneio, cujos proprietários não se encontram, para receber os agentes de saúde que vão fazer a fiscalização e identificar os focos de reprodução do mosquito. Casas com piscinas, especialmente em bairros como o São Domingos e nos locais turísticos são exemplos desta situação. Para sanar esta dificuldade,já foi concedido um alvará judicial, que autoriza o acesso dos agentes de saúde aos imóveis fechados.

Para sensibilizar cada setor da sociedade a reforçar o trabalho que o Poder Público tem empenhado em eliminar o mosquito e atender as pessoas infectadas pelo vírus, foi reativado na última quinta-feira, 28 de maio, o Comitê de Mobilização Social de Combate à Dengue, reunindo as Secretarias Municipais de Saúde, Serviços Urbanos e Educação, além do Conselho Municipal de Saúde, Marinha, Tiro de Guerra, clubes de serviço, sindicatos e associações de moradores. O Comitê conta com cerca de 30 entidades dispostas a fazer um trabalho de conscientização de que não basta que a prefeitura faça seu trabalho, é necessário que cada morador também faça sua parte.

Veja a entrevista na íntegra:



video

Nenhum comentário: